OGE

05/02/2018 17:02

Equipe da Ouvidoria Geral recebe formação para atender denúncias de racismo no Carnaval

Equipe da Ouvidoria Geral do Estado (OGE) recebeu nesta segunda-feira (5) capacitação para atender e tratar casos de denúncias de racismo e intolerância religiosa durante o Carnaval. O treinamento, realizado pela Secretaria de Promoção da Igualdade Racial do Estado (Sepromi), através do Centro de Combate ao Racismo e a Intolerância Religiosa Nelson Mandela, orientou como reconhecer práticas de racismo institucional (entre colegas de trabalho) e de servidores públicos contra o cidadão.

O atendimento especializado acontecerá entre sexta (9) e terça-feira (13) pelo 0800-284-0011, Whatsaap (71) 99911.7631 e redes sociais Twitter @ouvidoriageral, Facebook.com/ouvidoriageral e Instagram @ouvidoriageralbahia. O cidadão também poderá receber atendimento nos postos do Centro de Combate ao Racismo e a Intolerância Religiosa Nelson Mandela.

A ação em parceria com a Sepromi já acontece pelo terceiro ano consecutivo e tem como objetivo garantir um atendimento qualificado e sensível à temática racial não só no Carnaval, mas no dia a dia da sociedade.

A OGE compõe a Rede de Combate ao Racismo e à Intolerância Religiosa do Estado da Bahia, coordenada pela Sepromi, que atua no enfretamento ao racismo e na promoção da igualdade racial, garantindo os direitos da população negra, através de ações integradas.

População LGBT

Este ano, a OGE também irá realizar atendimento especializado às vítimas de homofobia e violência contra a população LGBT. A ação acontece em parceira com o Conselho Estadual dos Direitos da População LGBT e Centro de Promoção e Defesa dos Direitos LGBT, vinculados à Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS).
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.