• Programa Primeiro Emprego

OGE

05/02/2018 18:02

Ouvidor geral apresenta exemplo de vivência em comunidade escolar do Subúrbio de Salvador

Com o objetivo de apresentar metodologia que aprimora a vida em comunidade, o ouvidor geral do Estado, José Maria Dutra,  apresentou um exemplo de vivência através da  Terapia Comunitária Integrativa (TCI) no Colégio Estadual Monteiro Lobato, em Vista Alegre de Coutos, durante Jornada Pedagógica da escola.

O evento aconteceu nesta segunda- feira (05), reunindo professores, diretores escolares, moradores e estudantes que participam da programação de planejamento do ano letivo de 2018, que tem como tema “Aprendizagens e Territórios: Novos Rumos para a Educação do Século XXI”.

A experiência apresentada faz parte da formação Cidadão em Ação, iniciada pela Ouvidoria Geral do Estado (OGE) ano passado no bairro, com o apoio da escola. O objetivo da ação é orientar o cidadão sobre os seu papel transformador na comunidade, potencializando as relações interpessoais através do método Comunicação Não Violenta (CNV).

Para o professor Rafael Azevedo, a palestra serviu para uma avaliação pessoal e profissional. “Foi um momento construtivo, pois me ajudou a refletir como estou tratando as minhas relações humanas”, disse.

Na opinião do diretor do colégio, Agildo Costa, o encontro serviu para despertar a necessidade de cuidar do outro. “A partir desta reflexão, a equipe escolar poderá ajudar os alunos e a comunidade e viver e trabalhar em comunidade, visando o bem de todos (as)”, destacou Agildo.

Terapia Comunitária – TCI

A TCI foi desenvolvida pelo pesquisador Adalberto Barroso em Ceará, e visa aprimorar ampliar o autoconhecimento e a relação do indivíduo com a comunidade em que vive, buscando alternativas para lidar com problemas coletivos. A terapia dialoga e fortalece a metodologia CNV.

“A TCI estabelece um espaço de partida, onde compartilhar experiências pessoais e profissionais ajudam na compreensão do outro, identificando suas necessidades”, explicou o ouvidor geral José Maria.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.