OGE

08/11/2018 12:11

OGE realiza reunião geral de revisão para manutenção da Certificação da ISO 9001

Equipe da Ouvidoria Geral do Estado (OGE) se reuniu ontem (07) para revisão final do Sistema de Gestão de Qualidade (SGQ) do órgão, certificado pela norma ABNT ISO 9001:2015 em dezembro de 2017. O encontro antecedeu a auditoria interna que será realizada nesta quinta-feira (8), pela Diretoria de Gestão de Qualidade da Saeb, e faz parte do processo de manutenção da certificação de qualidade.Manutenção ISO 9001:2015

Durante a reunião foram reapresentados a estrutura e metodologia do SGQ, destacando a Política de Qualidade do órgão, bem como os Objetivos da Qualidade e seu monitoramento, que são medidos periodicamente. "Esse momento é importante para a continuidade do alinhamento entre teoria e prática, ou seja entre a Política de Qualidade, que está baseada no Plano Plurianual Participativo - PPA - do Estado da Bahia, e os procedimentos de trabalho da Ouvidoria Geral do Estado (OGE)", afirmou Gustavo Kalid, assessor técnico da OGE.

Participaram da reunião os atendentes da Central de Atendimento, além da Assessoria técnica e a Coordenação da Rede de Ouvidorias Especializadas e Projetos (Coep).

Manutenção da Certificação da ISO

A OGE recebeu a Certificação da ISO 9001:2015 em dezembro de 2017, pelo Instituto Baiano de Metrologia e Qualidade (Ibametro). Prestes a completar o primeiro ano, a certificação do órgão passa pelo processo de manutenção através da revisão e auditoria do seu Sistema de Gestão de Qualidade.

A revisão consiste na atualização da documentação do SGQ, que é a ferramenta reúne a padronização dos procedimentos de trabalho, visando a melhoria dos serviços prestados e a satisfação do cidadão. Os requisitos norteadores das boas práticas para controle da qualidade do SGQ são estabelecidos pela norma ABNT ISO 9001:2015.

O processo de revisão contou com diversas atividades de atualização e conhecimento geral de todos procedimentos de trabalho definidos no SGQ/OGE em 2017.

Sistema de Gestão de Qualidade
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.